18/11/2019

Engenheiro Coelho apresenta um dos piores índices de Gestão Fiscal (IFGF) na RMC

Pesquisa da Firjan leva em conta os indicadores de Autonomia, Gastos com Pessoal, Liquidez e Investimentos

Da redação

Engenheiro Coelho apresentou um dos piores índices de Gestão Fiscal (IFGF) entre os municípios da Região Metropolitana de Campinas (RMC) no período de 2018. Os dados são da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan). Entre os indicadores da pesquisa estão Autonomia, Gastos com Pessoal, Liquidez e Investimentos.

A Firjan busca analisar as contas dos municípios brasileiros frente à dados oficiais. A análise levou em consideração o período de 2018, diagnosticando que existem problemas de gestão fiscal ligados à administração de prefeituras, baixa receita para financiar câmaras municipais, orçamentos reduzidos e dificuldade de planejamento de investimentos nos municípios.

No município coelhense, por exemplo, a Firjan constatou que em 2018 a cidade teve o índice IFGF de 0,4692. Americana 0.4390, Campinas 0.5119, Cosmópolis 0.5112, Artur Nogueira 0.4553, Holambra 0.6948, Hortolândia 0.4996, Indaiatuba 0.8741, Itatiba 0.4627, Jaguariúna 0.7114, Monte Mor 0.7395, Morungaba 0.5513, Nova Odessa 0.4767, Paulínia 0.4267, Pedreira 0.7358, Santa Bárbara d’Oeste 0.5684, Santo Antônio de Posse 0.7220, Sumaré 0.3429, Valinhos 0.6462 e Vinhedo 0.4409.

Os indicadores de Autonomia, Gastos com Pessoal, Liquidez e Investimentos contribuem na identificação de melhoria ou piora no quesito de Gestão Fiscal (IFGF) dos municípios. Os índices variam entre 0 e 1, sendo que o nível quanto mais próximo de 1, aponta uma melhor gestão fiscal.

Engenheiro Coelho, Artur Nogueira, Americana, , Itatiba, Nova Odessa, Paulínia, Sumaré e Vinhedo apresentaram os maiores índices de dificuldade em gestão fiscal. O objetivo do estudo é frisar a importância do planejamento para os municípios da região e do Estado.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Coelhense


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.