17/01/2019

Escolas devem alertar Conselho Tutelar se aluno faltar mais 30% nas aulas em Engenheiro Coelho

Lei de Diretrizes e Bases da educação sofreu alteração a fim de melhorar o monitoramento de estudantes

Mariana Avanzzi

A Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) sofreu uma alteração a fim de melhorar o monitoramento de estudantes de Engenheiro Coelho, e de todo o Brasil, e diminuir os índices de evasão escolar. A alteração determina que a escola deve notificar o Conselho Tutelar quando o estudante faltar a mais que 30% das aulas. Anteriormente, a mesma lei obrigava a escola a avisar quando atingissem mais de 50% de faltas.

A ausência nas aulas prejudica o aluno fazendo com que o estudante não consiga acompanhar o currículo de ensino, fato que dificulta a aprendizagem. Uma pesquisa divulgada em 2016 pelo Ibope aponta que 51% dos professores consideram a defasagem um grande desafio a se vencer para cumprir o currículo. Outros 16% dos docentes citaram a dificuldade em fazer todos os alunos chegarem ao nível que se é esperado.

O conselheiro tutelar de Engenheiro Coelho, Reinaldo Balbino, conta que a evasão escolar está ligada a diversas razões, sendo que uma das principais seria os métodos de aprendizagem ultrapassados. “A evasão escolar é patrocinada por uma série de fatores, dentre eles podemos destacar a negligência da família, a estrutura física das escolas e o próprio sistema educacional que não educa para o futuro. Basta comparar como era um telefone há 100 anos atrás e como é atualmente, muito diferente. Agora compare como era uma sala de aula há 100 anos atrás e como é na contemporaneidade, não houve mudanças. As práticas são as mesmas. E isso ajuda na infrequência e na evasão escolar”, explica o conselheiro.

Conselho Tutelar

Os Conselhos Tutelares possuem diversas funções e buscam, principalmente, atuar na proteção das crianças e adolescentes por todos país. É um órgão público municipal, vinculado às prefeituras, de caráter permanente e possui independência para tomar decisões. O Conselho Tutelar não é um órgão assistencial ou de segurança pública, mas apenas responsável por zelar pelos direitos de crianças e adolescentes.

O objetivo central dos Conselhos Tutelares é atender crianças e adolescentes que possuem seus direitos básicos ameaçados por pessoas de seu convívio ou pelo próprio Estado. O objetivo final é desenvolver uma rede de colaboração entre diversos órgãos para que os direitos das crianças e adolescentes estejam sempre em primeiro lugar. Embora o Conselho Tutelar possa atuar junto a outros órgãos, as decisões são tomadas por ele de forma individual.

Denúncias 

A denúncia pode ser realizada anonimamente em qualquer Conselho Tutelar da cidade. Além disso, recomenda-se que seja informada quem é a vítima e onde vive, os pais ou responsáveis, o tipo de ameaça que ocorreu ou que direito foi desrespeitado, entre outras informações que auxiliem na investigação da denúncia. Em Engenheiro Coelho o órgão atende através do telefone (19) 3857-9801.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Coelhense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.