09/08/2019

Faculdade de Engenheiro Coelho receberá General Mourão, vice-presidente do Brasil

Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp) receberá o Sr. vice-presidente dia 21 de agosto

Da redação

O Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp) receberá a Sr. vice-presidente General Hamilton Mourão (PRTB) e comitiva na quarta-feira (21).

A visita será feita em uma Aula Magna, do segundo semestre, para os alunos do Centro Universitário Adventista de São Paulo. O Campus de Engenheiro Coelho receberá o General às 15h15 do dia 21 de agosto. Antônio Hamilton Martins Mourão é um general da reserva do Exército Brasileiro e o atual vice-presidente do Brasil.

Após uma longa atuação na carreira militar, Mourão foi anunciado como candidato a vice-presidente da República, na chapa de Jair Bolsonaro em fevereiro de 2018. O general foi eleito ao cargo e começou atual como vice-presidente este ano.

Carreira

Mourão Ingressou no Exército em fevereiro de 1972 na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN). Em 1975, foi declarado aspirante a oficial da Arma de Artilharia. Em seguida obteve cursos de formação, de aperfeiçoamento, de altos estudos militares da Escola de Comando e Estado-Maior do Exército e do Curso de Política, Estratégia e Alta Administração do Exército, além dos cursos básico paraquedista, mestre de salto e salto livre e o curso de guerra na selva.

O vice-presidente foi instrutor da Academia Militar das Agulhas Negras, cumpriu Missão de Paz em Angola e foi adido militar na Embaixada do Brasil na Venezuela. Comandou o 27° Grupo de Artilharia de Campanha em Ijuí (RS), a 2ª Brigada de Infantaria de Selva em São Gabriel da Cachoeira (AM), e a 6ª Divisão de Exército, em Porto Alegre.

Foi Vice-Chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército e Comandante Militar do Sul. Na sequência, chefiou a Secretaria de Economia e Finanças. Na época, a sua destituição foi associada ao teor de suas declarações durante palestras que ministrava em Clubes do Exército ao redor do país, no entanto a assessoria do Exército Brasileiro não informou o real motivo para a destituição do general. Deixou o serviço ativo em 28 de fevereiro de 2018, após 46 anos de serviço.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Coelhense


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.